WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


O Rito da passagem (de ônibus!) Conquista: Viação Cidade Verde realiza higienização de abrigos 5 formas para você saber que seu carro está em boas mãos Comissão aprova prazo para análise de defesa prévia


ultimas noticias
ultimas noticias

link conquista


gideao

Maio Amarelo – Maio mês das Mães – Das mulheres: Igualdade de gênero

Por Mércia Gomes*

Imagem Ilustrativa

Imagem Ilustrativa

“Elas são frágeis, porém fortes, ao ponto de quebrar barreiras, enfrentar preconceito, superar expectativa e, superar os homens quando na condução do veículo”

Crescemos ouvindo em casa, nas ruas, entre outros lugares, piadas contra as mulheres no trânsito: “mulher no trânsito, perigo constante”.

Com o passar dos anos, encontrado minha área de trabalho e, como profissional especializada em trânsito, além das matérias que estudo, falar e pesquisar sobre a mulher no trânsito, me faz sentir tão forte quanto todas na sociedade ainda preconceituosa, sem valorização à mulher que estuda, trabalha fora, sendo mãe, esposa, coordenadora de empresas, Presidente ou Diretora de empresa, entre outras.

Existem diversos estudos em favor da mulher como profissional, sendo especificamente em relação à igualdade de gênero, um deles feito pela Psicóloga e empresária Sandra Matos, de Minas Gerais, a qual tem um projeto realizado com mulheres, a profissional através de seu estudo, apresenta estatisticamente que as mulheres são maioria no comando de empresas de menor porte no estado de Minas, ou seja 86%, as mineiras representam ainda 46,8% dos Microempreendedores Individuais (MEI) do estado e já somam mais de 344, 5 mil empreendedoras.

:: LEIA MAIS »

UMA MOBILIDADE URBANA mais FEMININA (o que acham?)…

Por ACésarVeiga*

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

Um colega, professor de História, na Universidade foi certa vez taxativo:

– Não venham com esta “fábula” de que as sociedades primitivas eram matriarcais. As mulheres poderiam até obter certo prestígio, mas o comando…

…nem pensar.

(confesso que julgava que eram os homens que nesta época ocupavam papel secundário. Engano!)

Mas sei que nas civilizações antigas – Egito, Grécia… -, o status feminino alcançou uma “melhorada”, pois passaram a ter veneração por deusas, sacerdotisas, sábias, filósofas, matemáticas, guerreiras…

Na Roma antiga, por exemplo, com a família em destaque, a mulher adquiriu um “tantinho mais” de valor hierárquico social – mesmo tendo de obedecer ao marido -, já que passou a ser vista como alicerce fundamental neste contexto, e o seu trabalho doméstico como uma virtude.

E sem demora, na Idade Média, conquistou acesso a grande parte das profissões, assim como o direito à propriedade.

(podiam ser chefes de família – quando viúvas -, estudar nas universidades, fundar mosteiros e conventos, escrever peças de teatro, tornar-se rainha, poetisa, guerreiras e até jurista)

Bem, e quando chegaremos ao nosso Brasil? :: LEIA MAIS »

As diferenças de um capacete profissional para um capacete amador

Atenção ciclistas! Uma dúvida muito comum na modalidade: capacetes.

Imagem Ilustrativa

Imagem Ilustrativa

Uma dúvida bem frequente que os ciclistas possuem é sobre quais equipamentos adquirir para obter a melhor performance nos treinos e competições. Um destes itens é o capacete.

O que diferencia um capacete de nível profissional de um equipamento simples, comum, e principalmente “baratinho”?

Atletas profissionais e amadores que se dedicam à competições, quando atingem um alto nível de performance necessitam buscar pontos para melhorar seus desempenho em fatores além dos treinamentos.

Um destes itens é o capacete! Equipamentos profissionais oferecem características não encontradas naqueles mais simples, como por exemplo alta resistência com baixo peso, fixação precisa na cabeça, aerodinâmica e materiais de alto nível.

:: LEIA MAIS »

Durante todo o mês o Simtrans realiza em Vitória da Conquista o ‘Maio Amarelo’

Movimento conscientiza sobre a falta do cinto de segurança e o uso do celular na direção.

Imagem: Reprodução | TV Sudoeste

Imagem: Reprodução | TV Sudoeste

Durante todo o mês de maio o Simtrans realiza em Vitória da Conquista uma campanha para orientar e conscientizar os motoristas sobre a falta do cinto de segurança e o uso do celular ao volante, que é a infração de trânsito mais frequente na cidade.

Uma combinação perigosa e que coloca em risco a vida de todos no trânsito: usar o celular dirigindo é uma infração gravíssima, com sete pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 293, 47. Mas ainda sim tem motorista desrespeitando a lei. Das dez mil autuações registradas de janeiro a abril deste ano em Vitória da Conquista, 23,48% são por uso de celular ao volante.

“Desde novembro do ano passado, essa multa teve um reajuste e a gente esperava que com este reajuste o motorista se conscientizasse mais” disse o agente de trânsito Tiago Barros. “Na realidade, no nosso município, ainda não está acontecendo [a conscientização] e esse é um dado alarmante e preocupante porque o maior índice de acidentes é causado pela falta de atenção e o celular é o principal vilão dessa situação” completou o agente do Simtrans.

No flagrante da reportagem, o motociclista aproveita o sinal fechado para usar o celular. O semáforo abre e mesmo assim o homem continua mexendo no aparelho telefônico. “Ele deve sim manter sua atenção durante todo o tempo e configura sim infração ele utilizar o celular mesmo nesse interrupção momentânea que é a parada, chamada, no semáforo” comentou Barros.

Segundo o Simtrans, 65% dos acidentes sem vítimas em Vitória da Conquista envolvem o uso de celular ao volante, e a maior parte desses acidentes são por causa de distração do motorista.

Para prevenir acidentes, o Movimento Maio Amarelo visa chamar a atenção dos motoristas, a irresponsabilidade no trânsito tem consequências. “Ele [o condutor] tem de ter a consciência de que não utilizar o cinto ou então utilizar o celular enquanto dirige vai colocar em risco a vida dele e de outras pessoas” finaliza o agente. Assista a matéria da TV Sudoeste:

Detran-BA inicia emissão de CNH com QR Code para evitar fraudes

Carteiras antigas, dentro do prazo de validade, não precisam ser trocadas.

Imagem: Reprodução

Imagem: Reprodução

A Carteira Nacional de Habilitação ( CNH) emitida pelo Departamento Estadual de Trânsito da Bahia ( Detran-BA) passou a ser monitorada pelo sistema QR Code, nesta semana, com o objetivo de evitar a falsificação do documento. A CNH ganhou no verso um código de barras bidimensional, onde ficam armazenados todos os dados do condutor, inclusive a foto, sem custo adicional. As informações podem ser lidas pela câmera da maioria dos celulares e também por dispositivos com o software apropriado. As carteiras antigas, dentro do prazo de validade, não precisam ser trocadas.

A medida cumpre a determinação da resolução 650 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e é obrigatória em todo o país, a partir deste mês. A tecnologia aumenta o grau de segurança na fiscalização do Detran, que poderá identificar mais facilmente a autenticidade das habilitações durante as blitzes. “Hoje, enfrentamos casos de clonagem da CNH, alteração de dados em carteiras furtadas ou perdidas e acréscimo irregular de categorias. Com o QR Code, o documento estará conectado ao Registro Nacional dos Condutores Habilitados, o Renach, sem a necessidade de digitar informações, o que vai dificultar as fraudes e garantir mais rigor na fiscalização de condutores infratores”, explicou o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes. As informações são da Assessoria de Comunicação.

Avançou o sinal: van, que transportava passageiros, tombou na Avenida Luís Eduardo

Agentes de trânsito do Simtrans sinalizaram a área até que o veículo fosse removido.

Fotos: Adriano Gomes

Foto: Adriano Gomes

O avanço do sinal vermelho do semáforo terminou com uma van tombando após colidir com uma caminhonete, no início da manhã de hoje (05), no cruzamento das Avenidas Luís Eduardo Magalhães e Jorge Teixeira, em Vitória da Conquista. Nenhum dos ocupantes dos dois veículos saiu ferido.

O motorista da van, que faz transporte intermunicipal de Anagé para Conquista e transportava no momento do incidente três passageiros, disse no registro da ocorrência que havia avançado o semáforo. Agentes de trânsito do Simtrans sinalizaram a área até que o veículo fosse removido.

Vitória da Conquista participa do Maio Amarelo

Ações vão conscientizar sobre sobre boas práticas no trânsito.

Imagem: Secom | PMVC

Imagem: Secom | PMVC

Vitória da Conquista mais uma vez está integrando o Maio Amarelo. O movimento nacional visa chamar atenção de toda a sociedade para o problema dos acidentes de trânsito, responsáveis por altos índices de mortos e feridos. A ideia é mobilizar o poder público e a sociedade civil para discutir segurança viária e colocar em prática ações que propaguem esse conhecimento.

No município, a Coordenação Municipal de Trânsito está se articulando juntamente com empresas e entidades para a oferta de ações educativas na área. Palestras e panfletagem em regiões estratégicas serão ofertadas à população ao longo do mês, buscando a conscientização sobre boas práticas no trânsito.

Vale lembrar que Vitória da Conquista registrou 2.229 acidentes de trânsito em 2014. No ano seguinte, em 2015, foram 2.338 ocorrências de acidentes. Já em 2016, o município contabilizou 1.551 acidentes de trânsito. Fonte: Secom PMVC.

Câmara aprova aumento para 11 anos da idade mínima de criança em moto

ONG alerta que esse meio de transporte é muito perigoso para meninos e meninas, pois eles ainda estão em fase de desenvolvimento e seus ossos e órgãos são mais frágeis que os de um adulto.

Por ser menor e mais frágil, todo cuidado é pouco (Imagem Ilustrativa | JP)

Por ser menor e mais frágil, todo cuidado é pouco (Imagem Ilustrativa | JP)

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara aprovou o Projeto de Lei 6401/09, do ex-deputado Professor Victorio Galli, que eleva de sete para onze anos o limite de idade de crianças que podem ser transportadas em motocicletas, motonetas e ciclomotores.

O projeto será enviado para análise do Senado.

Pelo Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97), desrespeitar o limite de idade para o transporte de menores nesse tipo de veículo constitui infração gravíssima, punível com multa e suspensão da carteira de motorista.

O relator da matéria, deputado Félix Mendonça Júnior (PDT-BA), recomendou a aprovação do texto na forma dosubstitutivo apresentado na Comissão de Viação e Transporte.

Equipamento

A nova versão mantém a proposta principal e altera a lei para tornar infração o transporte de criança com idade entre doze e dezesseis anos sem usar bota, colete e capacete, ou que não tenha condições de cuidar de sua própria segurança.

O texto aprovado também inclui como infração gravíssima a condução de moto sem uso de colete de segurança dotado de alças laterais para apoio do passageiro, durante o transporte de menores de dezesseis anos.

O projeto também modifica a legislação que regula a atividade de motoboys (Lei 12.009/09), para obrigar esses profissionais a usar colete de segurança dotado de alças laterais para apoio do passageiro e de dispositivos retrorrefletivos.

Fragilidade da criança

Atualmente, a legislação brasileira permite que, a partir dos sete anos, a criança possa ser passageira de motocicleta. Porém, para a ONG Criança Segura, esse meio de transporte é muito perigoso para meninos e meninas, pois eles ainda estão em fase de desenvolvimento e seus ossos e órgãos são mais frágeis que os de um adulto. Devido a essa fragilidade, são menos tolerantes a impactos e, para eles, a chance de um, acidente de moto ser fatal é mais alta.

Em 2014, 1.654 crianças, entre zero e 14 anos, morreram em consequência de acidente de trânsito no Brasil. Desse total, 11% estavam em motocicletas. As informações são da Agência Câmara e Portal do Trânsito.

Detran promove campanha #MinhaEscolhaFazADiferença no ‘Maio Amarelo’

Órgão pretende alertar as pessoas sobre escolhas no dia a dia que podem provocar acidentes, como dirigir usando o celular, não usar capacete e invadir o sinal.

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

Com o objetivo de chamar a atenção para o comportamento de risco na condução de veículos, o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) promove neste mês a campanha #MinhaEscolhaFazADiferença, tema deste ano do ‘Maio Amarelo’, movimento mundial pela redução no número de mortes em acidentes de trânsito. O órgão vai intensificar as ações educativas e de fiscalização, em Salvador e municípios do interior​ do estado.

O Detran pretende alertar as pessoas sobre escolhas no dia a dia que podem provocar acidentes, como dirigir usando o celular, não usar capacete e invadir o sinal. A programação da campanha inclui cursos, palestras, debates, caminhadas, blitzes de alcoolemia e eventos educativos em escolas públicas. “Vamos mobilizar os servidores para um mês inteiro dedicado à oferta de conteúdo sobre as regras e à divulgação da mensagem da consciência entre condutores e pedestres, sem abrir mão da fiscalização. A população precisa ser estimulada a fazer boas escolhas para salvar vidas”, ressaltou o diretor de Educação para o Trânsito do Detran, Carlos Moura. As informações são da Assessoria de Comunicação.

Estacionamento Digital começa a operar em Vitória da Conquista

Aplicativo permite comprar créditos e pagar por vagas virtualmente, através do celular.

Imagens: Secom | PMVC

Imagens: Secom | PMVC

Mudanças nos hábitos de quem circula pelo trânsito de Vitória da Conquista começaram a valer nesta terça-feira, 2, quando entrou em operação o novo sistema digital de gerenciamento das vagas para estacionamento na Área Azul. Trata-se do aplicativo “Estacionamento Digital”. Agora, o pagamento pelo uso das vagas pode ser feito de forma virtual, por meio do aparelho celular.

Primeiro, é necessário que o usuário baixe o aplicativo, que já está disponível para download na App Store. Em seguida, ele deve se cadastrar, informando o número de seu celular e a placa do veículo. Aí, já será possível comprar créditos virtuais. Quando utilizar uma vaga, ele pode efetuar o pagamento através de seu aparelho (Android/Iphone) ou por meio do computador, sem precisar se deslocar até os monitores da Área Azul.

O pagamento poderá ser feito via cartão de crédito. Caso ainda prefira efetuar os pagamentos em dinheiro, o usuário pode fazê-lo diretamente com os monitores, ou nos pontos de venda que estarão distribuídos pela cidade.

Com o aplicativo, tanto o pagamento quanto o tempo de permanência em cada vaga serão monitorados virtualmente, por meio da placa do veículo. Os condutores também serão alertados periodicamente sobre o tempo de permanência no local e sobre a ocorrência de multas e infrações.

O tempo de permanência na vaga, aliás, também passa a ser rotativo: se não for utilizado integralmente, será revertido em créditos, que poderão ser utilizados posteriormente, em qualquer outra vaga. Outra ferramenta é a possibilidade de visualizar, num “mapa” virtual, as vagas que estão disponíveis nos diversos locais da cidade.

Secom

Ao longo dos próximos dois meses, o novo sistema digital de estacionamento funcionará em conjunto com os parquímetros.

‘Adaptação’ – O motorista Eduardo Burtet na manhã desta terça-feira, estacionou na Praça da Bandeira – onde estão situadas 292 das 2 mil vagas disponíveis para carros e motos em Vitória da Conquista. O monitor da Área Azul fez seu pré-cadastro no sistema digital e o informou a respeito das mudanças.

“Entendo que toda mudança que houver no município, que for em benefício de toda a população, é válida”, afirmou Burtet. “Fica mais flexível porque você não precisa estar indo na máquina. Você já chega ali, já tem o aplicativo, faz e sai. E você controla sua hora. Posso estar em qualquer local da cidade e continuo colocando crédito na vaga lá”.

Ao longo dos próximos dois meses, o novo sistema digital de estacionamento funcionará em conjunto com os parquímetros. Trata-se de um período de orientação e educação dos condutores sobre as novidades. Ao fim desse tempo, a ideia é retirar os aparelhos gradualmente.

“É um período de adaptação para que a cidade possa usufruir de um novo equipamento digital. Uma tecnologia de ponta para facilitar a vida de todos e o ir e vir dentro da cidade”, observa o secretário municipal de Serviços Públicos e Transportes, Esmeraldino Correia. Ele destaca que Vitória da Conquista é a primeira cidade baiana a implantar o Estacionamento Digital. “É um ganho no sentido de democratizar, de agilizar”, assegura. Fonte: Secom PMVC.

manual fiscalizacao transito



ultimas noticias
setembro 2017
D S T Q Q S S
« ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
WebtivaHOSTING | webtiva.com . Webdesign da Bahia